PROBLEMAS e deus

PROBLEMAS e deus

Há tantos problemas no mundo moderno é difícil até mesmo começar nomeá-los. O mundo secular tem um manual que tenta rotular alguns dos problemas “mentais”. Ele é chamado o Manual Diagnostical e Estatístico de Transtornos Mentais. É quase mil páginas. É a vida mais complicada no mundo moderno? Ou, há um outro problema?

Infelizmente, o mundo evangélico não faz muito melhor. Como um pastor e missionário em uma igreja evangélica eu preciso perguntar a mim mesmo: “Como posso ajudar?”
Como um pastor as respostas que eu acho deve vir da Palavra de Deus. Essa palavra descreve um grande Deus e nos dá uma grande teologia.
Infelizmente, grande parte da igreja de hoje tem um pequeno Deus e uma teologia fraca. Por esta razão, nós corremos para o mundo secular para obter ajuda. Eles dão alívio e conforto através de drogas e e uma dose de auto-estima.
Esse não é o tipo de alívio que é oferecido na Bíblia. Jo não tinha drogas e ele definitivamente não encontrou ajuda de conselheiros mundanos. Como é que ele sobreviveu por provações? Ele finalmente chegou cara a cara com seu grande Deus. Ele aprendeu a pensar corretamente sobre Deus e sua vida. Eu acredito que este é certamente o que a igreja evangélica precisa.
Eu puxei um livro de John Owen da prateleira hoje. Na introdução J.I. Packer explica o problema da igreja evangélica hoje. Ele explica que a igreja tem um evangelho fraco:

“O novo evangelho visivelmente não consegue produzir reverência profunda, arrependimento profundo, humildade profunda, espírito de adoração, uma preocupação para a igreja. Porquê?
Gostaríamos de sugerir que a razão está em seu próprio caráter e conteúdo. Ela não consegue fazer os homens a Deus centrado em seus pensamentos e tementes a Deus em seus corações, pois este não é primariamente o que ele está tentando fazer. Uma maneira de afirmar a diferença entre ele eo velho evangelho é dizer que ele é muito preocupado exclusivamente para ser “útil” para o homem – para trazer a paz, conforto, felicidade, satisfação – e muito pouco preocupado em glorificar a Deus. O velho evangelho era “útil”, também – mais aliás, para a sua primeira preocupação sempre foi a de dar glória a Deus … Seu centro de referência foi inequivocamente Deus. Mas no novo evangelho o centro de referência é o homem … Considerando que o principal objetivo do velho era ensinar os homens a adorar a Deus, a preocupação do novo parece limitada a fazê-los se sentir melhor. O assunto do antigo evangelho era Deus e Seus caminhos com os homens, o tema da nova é o homem e a ajuda Deus lhe dá. Há um mundo de diferença. Toda a perspectiva e ênfase da pregação do evangelho mudou.”

Que possamos voltar ao grande Deus, o grande teologia eo verdadeiro Evangelho, que proclama a Palavra de Deus.
amém

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s